Curiosidade sobre cegos
Figuras simbolizando pessoas com deficiência visual

O desenvolvimento humano e das organizações, são processos lentos

Postado há 2 anos

Por Jairo

O desenvolvimento humano e das organizações, são processos lentos construídos aliando os conhecimentos e as experiências que os indivíduos acumularam ao longo da vida, mais as oportunidades de aprendizagem no ambiente de trabalho, tais como as situações diárias vividas, os programas de treinamento e de incentivo, seja em grupo ou em desafios individuais. (SCORSOLINI-COMIN, INOCENTE E MIURA, 2011).

As organizações aprendem a partir dos seus parceiros e colaboradores, que atribuem ao trabalho como sendo de estrema relevância.

Segundo Bittencourt et al (2013), trabalhar é elemento fundamental na vida humana, pois o desenvolvimento profissional e pessoal propicia sentido à vida, por meio de relacionamentos interpessoais, conferindo ao indivíduo a sua identidade.

Pode-se apreender que após a inserção das ações que visam o desenvolvimento humano nas organizações, por meio da gestão de pessoas e de conhecimentos, possuindo profissionais bem capacitados, possibilitarão que as organizações se tornem espaços importantes de desenvolvimento humano e organizacional.

A relação entre o desenvolvimento humano e o desenvolvimento organizacional é sine qua non, conforme pode-se apreender com o exposto acima. (SCORSOLINI-COMIN, INOCENTE E MIURA, 2011). Para corroborar com a frase anterior, pode-se destacar os principais elementos influenciadores desse desenvolvimento:

(...) a cultura, o comportamento, o clima e a maneira que a organização é percebida. Vale ressaltar que estes elementos estão imbuídos dos pensamentos, sentimentos e atitudes das pessoas que estão envolvidas nos processos da organização, sejam estes, clientes, fornecedores, funcionários e até mesmo, os proprietários. (MATIAS, 2010).

Pode-se constatar que o desenvolvimento tem sua fundamentação nas necessidades dos indivíduos e das organizações. Tendo estes a eminência de galgar sucesso, procuram objetivar bons resultados com o trabalho.

As pessoas em dado momento não farão parte de determinada organização, mas deixarão seu legado. O contrário também é verdadeiro, quando se afirma que as organizações fixaram no indivíduo conceitos e possibilidades de pôr em prática suas qualidades. Deste modo, o constante progresso se constitui, transformando a sociedade e como é natural, as organizações estão incluídas neste processo evolutivo.

REFERÊNCIAS

BITTENCOURT, D. F. et al. Gestão do Desenvolvimento Humano e Organizacional (Livro Didático). Unisul Virtual. Palhoça, 2013.

MATIAS, Amaury Batista. Desenvolvimento humano e organizacional: estudo comparativo. 2010. Disponível em: www.administradores.com.br/artigos/marketing/desenvolvimento-humano-e-organizacional-estudo-comparativo/37802/ . Acesso em: 10 maio 2018. SCORSOLINI-

SCORSOLINI-COMIN, Fabio; INOCENTE, David Forli; MIURA, Irene Kazumi. Aprendizagem organizacional e gestão do conhecimento: pautas para a gestão de pessoas. Rev. bras. orientac. prof, São Paulo , v. 12, n. 2, p. 227-240, dez. 2011. Disponível em pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttextpid=S1679-33902011000200010lng=ptnrm=iso . Acesso em 18 maio 2018.

297 Visualizações

Menu do Ecolabore Portal